Rubi

Faz parte do meu trabalho fotográfico ter liberdade para exercitar meu olhar, minha sensibilidade e minha criatividade. Por isso às vezes eu crio projetos e convido pessoas que sinto vontade de fotografar (e geralmente os fatores que me levam a isso são subjetivos, não têm relação com a pessoa ser assim ou assado). Há mais ou menos 5 anos atrás eu tinha convidado a Ruth para fazer fotos, mas acabamos desencontrando. Eu troquei de equipamento no final de 2016 e no começo do ano novamente conversei com a mãe dela sobre as fotos. Oba!!!! Desta vez daria certo!!!! Marcamos logo, pra não perder o timing.

Todo mundo que a conhece sabe o quanto ela é especial e a profundidade desta menina. Portanto além do desafio em retratá-la à altura, eu queria encontrar um lugar especial para fazer as fotos, que tivesse alguma coisa que ver com ela. Uma biblioteca!!! Ela adorou a ideia – e eu consegui com jeitinho autorização (inédita) para fotografar em uma biblioteca da zona norte, a mesma que frequentei com minhas irmãs quando éramos pequenas.

Eu também tinha garimpado em um brechó algumas peças de roupa românticas que preparei pra ela usar (a saia branca de tule e a blusa alemã de renda com gola de pérolas). Ela pensou em todos os demais detalhes: maquiagem, acessórios, os casaquinhos. Tinha ideias, comprometimento, seriedade com o projeto – e entrava no clima das fotos com a mesma profundidade que faz parte da personalidade dela.

De todos os ensaios que eu fiz, este foi um dos mais especiais. Porque quem me conhece sabe quem eu sou e como eu sou – e algumas características existem em comum entre ela e eu – acho que a sensibilidade é uma delas. Me identifico com ela, quando eu tinha a mesma idade. O tempo passa e a gente acaba usando alguns escudos que escondem a nossa verdadeira essência. Ruth, não mude! 🙂

Eu a fotografei um dia depois do meu aniversário (e ganhei flores de presente!). Exatamente duas semanas depois de um acontecimento muito triste na minha vida. Nunca estive tão entregue em um trabalho, como estava no dela – e nunca precisei tanto me expressar, como precisei naquela época. Eu precisava dele pra fazer uma coisa que a Meryl Streep disse no Globo de Ouro deste ano:

“Transforme seu coração partido em arte”.

Eu tentei. Espero ter conseguido. ♥

PS: O título Rubi foi inspirado nas iniciais dos dois primeiros nomes dela! Procuro não colocar o nome todo de quem eu fotografo, nos títulos dos posts, por conta do SEO (por proteção mesmo).

PS2: Agradecimentos para a família da Ruth por terem liberado seus direitos de imagem [todos os direitos reservados] e para Salete, Raquel e as outras moças simpáticas da biblioteca.

IMG_4071IMG_4101IMG_4144IMG_4172IMG_4177IMG_4190IMG_4203IMG_4214IMG_4246IMG_4259IMG_4265IMG_4271IMG_4291IMG_4310IMG_4372IMG_4392IMG_4400IMG_4402IMG_4407IMG_4408IMG_4424IMG_4451IMG_4486IMG_4521IMG_4525IMG_4533IMG_4554IMG_4571IMG_4574IMG_4599IMG_4608IMG_4612IMG_4618IMG_4621 bwIMG_4622IMG_4628 bwIMG_4629 bwIMG_4667IMG_4716IMG_4732IMG_4750IMG_4765IMG_4774IMG_4778IMG_4798IMG_4802IMG_4807IMG_4836IMG_4863IMG_4869IMG_4873IMG_4902IMG_4904IMG_4906IMG_4909IMG_4914IMG_4922IMG_4933IMG_4935IMG_4949IMG_4966IMG_4999IMG_5006 pebIMG_5008IMG_5022

Anúncios

Um Comentário

  1. Sílvia Pinheiro disse:

    Meu Deus que coisa mais linda!!
    A menina é realmente linda,mas o seu trabalho minha querida, está uma coisa divina!!
    Perfeito!! Parabéns e que Deus te abençoe sempre mais…Trabalho ótimo!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
%d blogueiros gostam disto: